Escolha do Editor

Na última Edição publicada, o artigo intitulado "Suplementação antioxidante aguda e prevenção de dano lipídico e muscular de ciclistas em prova de longa duração: estudo experimental" analisou os efeitos de suplementação antioxidante (vitamina E, vitamina C e Ômega 3) sobre o dano oxidativo de 20 atletas masculinos em uma prova de ciclismo de longa duração (200 km).


Os resultados demonstraram que o grupo suplementado apresentou menor dano lipídico e menor dano muscular (p<0,05). Assim, concluiu-se que a suplementação antioxidante mostrou-se efetiva para redução do estresse oxidativo, lipoperoxidação permitindo menor grau de dano/fadiga muscular determinada pela atividade CK-mm.


Os resultados foram discutidos.


Confira!


Featured Posts
Recent Posts